O BICHO-MEDO E SEU SEGREDO
Autora: Eliane Pimenta
Ilustrador: Mateus Rios

Código: 0370L18602
Categoria 4: Conto







Sobre a obra
O Bicho-Medo e seu segredo é uma história em prosa quedivide com o leitor a história de Leonardo e as peripécias vividas pelo menino ao encarar e enfrentar os seus medos. Ao longo de toda a história o leitor é convidado a interagir com a história por meio de interlocuções direcinadas a ele.

Sobre o gênero

O Bicho-Medo e seu segredo é um conto para crianças, narrativa dinâmica, de estrutura linear e, portanto, adequada ao leitor já alfabetizado e com habilidade para ler histórias com muitas peripécias1. A história apresenta um núcleo conflitivo, que é o enfrentamento do medo pelo protagonista, o espaço familiar e o espaço interior, habitado por seres imaginários, representados por três grandes bichos: Bicho-Medo, Bicho-Coragem e Bicho-Amor. As ações podem ser divididas em três partes: situação inicial; um desenvolvimento em que surgem os Bichos a serem enfrentados ou acolhidos pelo protagonista; um desfecho com solução do conflito, ou seja, a superação do medo.  

Temas
Auto-conhecimento, diversão e aventura
 
Público e estilo de escrita

Indicada para crianças do 2°e 3°anos do Ensino Fundamental, a obra é adequada ao leitor já alfabetizado e com habilidade para ler histórias com muitas peripécias. Trata-se de uma narrativa com vocabulário simples mas que explora recursos como metáforas, onomatopéias e comparações. 

 


Sobre a autora e o ilustrador
Eliane Pimenta nasceu em 1970, no Rio de Janeiro, cidade onde vive até hoje. É  pedagoga, professora e contadora de história em escolas, bibliotecas e praças Brasil afora. Foi lendo histórias para crianças que começou a imaginar e escrever as sua próprias. O Bicho-medo e seu segredo é o livro de estreia da autora. Depois dele veio também Quem é ela?

Mateus Rios nasceu em 1981, no Rio de Janeiro. Morou em várias cidades brasileiras e atualmente vive em São Paulo, onde trabalha com ilustração de livros, cinema de animação e outros projetos. Em 2006, o primeiro livro por ele ilustrado foi indicado ao Prêmio Jabuti de Melhor Ilustração de livro infantil. Desde então, não parou mais de desenhar e inventar novos jeitos de contar histórias.